Todas as Viagens >> Turismo Religioso >> MÉRIDA (Santa Eulália), CÁCERES e GUADALUPE

Detalhes da Viagem

(Sugestão de Itinerário)

MÉRIDA (Santa Eulália), CÁCERES e GUADALUPE

Visitando:Castelo de Vide, Cáceres, Trujillo, Guadalupe, Mérida

1º Dia – LOCAL DE PARTIDA / CASTELO DE VIDE / CÁCERES / TRUJILLO 

A hora e de local a determinar partida em direcção a Torres Novas, Abrantes e Castelo de Vide, a “Sintra Alentejana” – realce para as suas igrejas, fontes e para a típica judiaria. Almoço. De tarde prosseguimento até Cáceres, cidade monumento. Na zona antiga poderá admirar a praça e igreja de Santa Maria, o paço episcopal, igrejas de S. Mateus e S. Francisco Xavier. Sendo considerada Património da Humanidade, desde 1949, Cáceres deve a sua ascensão à prosperidade comercial que ali evoluiu desde o século XII. No entanto, as lutas entre abastados comerciantes e nobres pelo poder na cidade, acabou por provocar a ira do Rei Dom Fernando, que ordenou a destruição dos seus imponentes palacetes, dando origem a novas edificações que ainda hoje podem ser admiradas. Sobrevivente da demolição em massa do século XV, subsiste a Casa e Torre da Cegonha, bem no centro antigo da cidade, podendo ainda ser visitados o Museu Provincial, a Casa de los Golfines de Abajo, mansão familiar do século XVI, e Igreja gótico-renascentista de Santa Maria. Em redor da sua Plaza Mayor, encontram-se a Ermida da Paz, a Torre de Bujaco a muralha almorávida e o Foro dos Balbos. No final prosseguimento até Trujillo. A presença da estátua de Francisco Pizarro na Plaza Mayor de Trujillo, demonstra a relevância que os conquistadores do Novo Mundo tiveram na importância crescente desta cidade, desde o século XV. Com as riquezas trazidas das conquistas, foram construídos inúmeros monumentos, como o Palácio do Marquês da Conquista e a Casa dos Orellanas, do explorador Francisco Orellana (séc. XVI). Entre as suas igrejas, destaca-se a de Santa Maria la Mayor. Realce ainda para o Castelo mourisco, onde se encontra o Santuário da Virgem da Vitória, padroeira de Trujillo. Chegada ao hotel. Instalação, jantar e alojamento no hotel.

2º Dia – TRUJILLO / GUADALUPE / MÉRIDA

Pequeno-almoço no hotel e saída para Guadalupe. O Real Mosteiro de Santa Maria de Guadalupe é um importante património arquitectónico e espiritual da Espanha, simbolizando dois dos mais importantes acontecimentos históricos do país vizinho. Com mais de quatro séculos o mosteiro é uma simbiose única de estilos arquitectónicos. Desde 1993 é reconhecido pela UNESCO como Património Mundial. Visita e almoço. No final viagem até Mérida. Chegada e visita à cidade denominada “Roma Espanhola”, durante a qual poderá admirar: a igreja de Santa Eulália, o anfiteatro, o Arco de Trajano, o Templo de Diana, o Aqueduto e o célebre teatro. Importante burgo romano, a Augusta Émerita, capital cultural e económica, fundada pelo Imperador Augusto, em 25 a.C., mantém ainda hoje um significativo espólio da presença imperial da Roma Antiga. Um dos ícones mais bem conservados dessa presença, é o Teatro Romano, construção determinada por Agripa onde, no Verão, têm lugar eventos culturais ao ar livre. Instalação, jantar e alojamento no hotel.

 3º Dia – MÉRIDA / ALMEIRIM / SANTARÉM / LOCAL DE PARTIDA

Pequeno-almoço no hotel. Depois viagem até à fronteira de Badajoz e prosseguimento até Almeirim. Almoço durante o qual poderá degustar um dos mais típicos pratos portugueses. De tarde viagem para Santarém. Visita à Igreja de Santo Estêvão, hoje a Igreja do Santíssimo Milagre. No final viagem de regresso ao local de partida.

Fim da viagem e dos Nossos Serviços

Mínimo de 25 participantes

 

Pretendo obter informações para organizar viagem de grupo em itinerário idêntico