Todas as Viagens >> Turismo Cultural >> Alemanha, Rep Checa, Áustria, Liechtenstein

Detalhes da Viagem

Alemanha, República Checa, Áustria, Liechtenstein

14 dias em autocarro

 

Visitando: Vitoria, Bordéus, Clermont Ferrand, Lyon, Genéve, Lausanne, Berna, Luzern, Zurique, Munique, Praga, Viena, Salzburgo, Innsbruck, Liechtenstein, Lugano, Andorra

 

1º Dia – Local de partida / Chaves / Benavente / Vitória (740 Km)

De manhã cedo, a hora a indicar, partida em autopullman para Chaves, cidade de Trás-os-Montes, cujas origens remontam à pré-história. Breve paragem e prosseguimento para a fronteira. Depois, já em solo espanhol, continuação da viagem para Vitoria-Gasteiz, cidade da província de Alava. Com uma história imensa, tem nas suas catedrais os monumentos de maior destaque. As ruas estreitas da parte antiga da cidade demonstram todo o cuidado posto na recuperação completamente evidente na “nova” Plaza Virgen Blanca. Instalação no hotel. Jantar e alojamento.

2ºDia – Vitória / Bordéus / Clermont Ferrand (730 Km)

Pequeno-almoço no hotel e saída para Bordéus, uma das maiores cidades do sudoeste da França. Famosa pelas suas vinhas e pelo vinho daí produzido, teve , a partir de 2007, o seu conjunto urbano reconhecido pela UNESCO como Património Mundial da Humanidade. Almoço. De tarde prosseguimento para Clermont-Ferrand que, apesar dos seus mais de 2.000 anos de história, somente no séc. XX apareceu no mapa económico da França através da sua empresa mais conhecida (Michelin). Instalção, jantar e alojamento no hotel.

3º Dia – Clermont Ferrand / Lyon / Genéve (355 Km)

Após o pequeno-almoço no hotel, partida até Lyon. Chegada ao fim da manhã. Breve visita panorâmica da cidade, uma das maiores cidades francesas (a segunda maior em área urbana e o terceiro maior município). Com origem na época romana (com a denominação de Lugdunum), foi capital da Gália sendo na actualidade capital da região Rhône-Alpes e do departamento de Rhône. Situada na junção de dois rios (Ródano –Rhône- e Saône) tem como ponto de destaque a praça Bellecour, uma das maiores praças pedestres na Europa, em cujo centro se encontra a estatua equestre de Luís XIV. Almoço. De tarde prosseguimento para Genéve, capital do Cantão Francês, cidade suíça por excelência, possuindo uma situação geográfica privilegiada, sendo rodeada por montanhas e lagos, bordejando o lago Leman ( cujo jacto de água é um dos ex-libris da cidade). Chegada a meio da tarde e início da visita panorâmica desta cosmopolita cidade, com destaque para as margens do Lago Leman e do Rio Ródano, com esplêndidas esplanadas e jardins. Visita ao jardim das rosas e, mais adiante, ao monumento aos Reformadores. Visitaremos ainda a Genebra Internacional, assim designada por ali se encontrarem inúmeros edifícios de organizações não governamentais, de entre os quais se destacam: a sede para a Europa das Nações Unidas, a sede da Cruz Vermelha e do Crescente Vermelho, a Organização Mundial do Trabalho e a Organização Mundial de Saúde. Depois passearemos pelas esplanadas ribeirinhas e pela parte antiga onde, entre ruelas inclinadas, se encontra a Igreja de São Pedro. Instalação, jantar e alojamento no hotel.

4º Dia – Geneve / Lausanne / Berna / Lucerna/ Zurique (290 km)

Pequeno-almoço no hotel e viagem para Berna, passando por Lausanne. Chegada a Berna, capital do país e capital do Cantão, cidade de extrema importância devido a sua situação geográfica, pois serve de eixo de comunicação da Confederação Helvética. Chegada e giro panorâmico pela cidade, que para além de capital do país, é também capital do Cantão e cidade de extrema importância devido a sua situação geográfica, pois serve de eixo de comunicação da Confederação Helvética. De entre muitos pontos de interesse deveremos realçar o “ Fosso dos Ursos”, símbolo da cidade e a visita a pé da parte medieval da, podendo admirar as arcadas medievais (classificadas pela UNESCO) fontes e ruas típicas. Almoço Depois prosseguimento da viagem até Lucerna, cidade do cantão alemão, situada nas margens do Lago dos Quatro Cantões e junto ao Monte Pilatus. Nesta cidade, um dos principais centros turísticos do país, poderemos admirar a Torre da Água (construída cerca do ano 1.300), pontes de madeira (como a de Kapellbrücke) das mais antigas da Europa, a igreja dos Franciscanos (c. 1200) e a dos Jesuítas (1560) e a câmara municipal de estilo renascentista. No final continuação para Zurique. Breve panorâmica a caminho do hotel podendo admirar alguns pontos tão importantes como: as margens do Rio Limmat e do Lago de Zurique, a Catedral, a Igreja de Maria e ainda a rua comercial Bahnhofstrasse. Instalação, jantar e alojamento no hotel.

5º Dia – Zurique / Munique/ Praga (690 km)

Manhã cedo partida de Zurique e viagem para Munique, já na Alemanha. Chegada início de visita panorâmica da cidade que é capital da Baviera, com especial destaque para: o famoso Carrilhão “Glockenspiel“, a histórica cidade velha, a Ópera, o Palácio, Friedenstor, o Schwabing- o famoso bairro latino onde se encontram os mais famosos bares e nightclubs da cidade, a Universidade, a Cidade Olímpica, o Parlamento, etc. Almoço. Depois, prosseguimento para Praga, capital da Republica Checa. Instalação, jantar e alojamento no hotel.

6º Dia – Praga

Estadia em regime de pensão completa. Saída para visita panorâmica da cidade de Praga: a Praça da República onde se encontra uma das mais antigas torres de Praga – a Torre da Pólvora e a Casa Municipal, a Praça de Wenceslau a maior das Três Gigantescas Praças construídas por Carlos IV, para a sua cidade nova (Nove Mestro) e cenário de grandes acontecimentos políticos e sociais sucedidos no país durante o século passado como a Primavera de Praga em 1968 ou a Revolução em 1989. Continuação até à Ponte de Carlos um dos símbolos da cidade do século XIV, actualmente reservada a peões. Passagem pelos lugares mais destacados de Staré Mesto (Cidade Velha), uma das mais belas cidades da Europa que oferece um panorama deslumbrante. Nela se encontra a Igreja de Nª Sr.ª de Tyn, imponente monumento Juan Hus e o relógio astronómico. Almoço em restaurante local. À tarde continuação da visita da cidade: o Castelo de Praga com a Catedral de S. Vito, de estilo Gótico onde se conservam as Jóias da coroa e na qual se destaca a sua cripta e a sala de Wenceslau, decorada com pedras preciosas. A rua de Ouro, um dos lugares com maior encanto da cidade de Praga. Este fantástico lugar deve o seu nome aos ourives que ali viviam no século XVIII, actualmente pode-se encontrar pequenas lojas de artesãos no interior destas casinhas, entre as quais se destaca o antigo domicílio do escritor Checo Frankz Kafka, autor de “A Metamorfose”. Visita ainda à Igreja de Santa Maria da Vitória, onde está a imagem do Menino Jesus de Praga, fruto de trabalho espanhol, em cera, do séc. XVI, doada à Ordem das Carmelitas descalças, comemorando assim a vitória das forças católicas sobre o exército calvinista que havia ocupado a cidade. Jantar e alojamento no hotel.

7º Dia – Praga / Melk / Viena (400 km)

Pequeno-almoço e saída para o Vale do Danúbio. Visita de Melk, onde se destaca o mais famoso Mosteiro Beneditino da Europa Central, grandioso complexo barroco, conhecido como o “Berço da Áustria.” Almoço. De tarde prosseguimento da viagem para Viena. Chegada ao fim da tarde. Instalação, jantar e alojamento no hotel. À noite possibilidade de assistência facultativa a uma das mais conhecidas actividades de Viena – “ As Valsas”.

8º Dia – Viena

Estada em pensão completa. Pela manhã saída para visita panorâmica da Viena artística, durante a qual poderá admirar o Museu da Ópera, com a sua rica ornamentação, o Palácio Imperial, a Biblioteca Nacional, a Escola Espanhola de Equitação e Capela dos Pequenos Cantores. Continuação até ao Palácio Imperial; visita aos seus maravilhosos jardins de desenho francês, onde viveram personagens tão famosas como Francisco José e Sissi, Maria Teresa e Napoleão, cujos gabinetes e apartamentos variam tanto em decoração como em número, com motivos luxuosos que enchem as suas paredes. Almoço em restaurante local. De tarde prosseguimento da visita da cidade banhada pelo Danúbio, antiga capital do Império Austro-húngaro. No centro de Viena poderemos admirar a antiga cidade Imperial, com o Palácio de Hofbgurg, residência dos imperadores, o Palácio de Bellvedere, a igreja Votiva, o Palácio de Schonbrunn (entrada), Museu de Belas Artes, os monumentos a Goethe, Schiller e Mozart, a Praça dos Heróis, a Universidade e a Ópera. Admiraremos também o centro pedonal, com a Catedral de Santo Estêvão (entrada) e a Torre giratória do Danúbio. No final breve passeio, com guia local, por Prater, onde se encontra a famosa roda de diversões. Regresso ao hotel. Jantar e alojamento.

9º Dia – Viena / Salzburgo / Innsbruck (485 km)

Pequeno-almoço e saída para Salzburgo. Chegada e almoço. De tarde, visita de Salzburgo, conhecida pela sua arquitectura barroca, as suas paisagens, a sua extensa história e por ser terra natal de Amadeus Mozart. Visita ao centro histórico, classificado como Património Mundial pela UNESCO, durante a qual, se poderão admirar os belos jardins do Palácio Mirabel, as margens do rio Salzach, a famosa rua comercial Getreidegasse, o Palácio dos Festivais, a Catedral e a Praça Mozart. A hora a indicar localmente, viagem com destino a Innsbruck. Instalação jantar e alojamento.

10º Dia – Innsbruck / Lichtenstein / Lugano (380 km)

Pequeno-almoço no hotel. De manhã visita de Innsbruck, capital de Tirol, uma das regiões mais atractivas da Europa quer pelo incomparável marco das suas montanhas e o seu céu limpo, quer por ser um famoso centro desportivo de Inverno. Visita da cidade onde veremos o Arco do Triunfo, construído pela imperatriz Maria Theresia, o centro histórico com o telhado de ouro, a Catedral, a antiga Universidade e actual Faculdade de Teologia, a Fonte de Leopoldo V., o Parlamento Tirolês, a Igreja da Corte e o Palácio Imperial que foi sede de imperadores austríacos e soberanos tiroleses. No final viagem para Vaduz, capital do Principado do Liechtenstein. Situada nas margens do Rio Reno, fundada no século XIII pelos condes de Werdenberg, tem no turismo uma das suas principais indústrias. Visita e almoço. De tarde, a hora a indicar localmente, início da viagem nos levará até Lugano, na margem do lago italiano. Lugano, cidade suíça que ocupa um lugar estratégico de grande beleza nas margens do lago do mesmo nome. Instalação, jantar e alojamento.

11º Dia – Lugano / Montpellier (710 km)

Pequeno-almoço e início da viagem que nos levará até Montpellier. Viajaremos para sul , ao longo da auto-estrada que nos levará até à costa mediterrânica, prosseguindo depois ao longo da mesma até Montpellier. Almoço em percurso. Ao fim da tarde chegada à Montpellier, cidade francesa com mais de 1.000 anos de história, hoje sede de uma das mais conhecidas Universidades francesas. Instalação, jantar e alojamento no hotel.

12º Dia – Montpellier / Andorra (340 km)

Pequeno-almoço no hotel e viagem para o Principado de Andorra, caracterizado por maravilhosas paisagens montanhosas e pelo seu comércio. Chegada e instalação no hotel em regímen de pensão completa. Tarde livre para actividades independentes ou visitas a gosto pessoal.

13º Dia – Andorra / Zaragoza / Segóvia (735 km) 

Pequeno-almoço no hotel e partida com destino a Zaragoza. Breve tempo livre para visita à Basílica do Pilar, obra-prima do barroco aragonês. Almoço. De tarde prosseguimento em direcção a Madrid e Segóvia. Chegada ao final da tarde. Instalação, jantar e alojamento no hotel.

14º – Segóvia / Ciudad Rodrigo / Local de Partida  (500 km)

Após o pequeno-almoço, breve tempo para visita a Segóvia, cidade de arquitectura notável, com o velho núcleo em destaque. Salientamos o Aqueduto Romano e o Alcazar, situado em pitoresco local, como monumentos de maior destaque. No final viagem para Ciumado Rodrigo. Almoço e prosseguimento da viagem para o local de partida.

Fim da Viagem e dos Nossos Serviços

Pretendo obter informações para me inscrever individualmente nesta viagem    ou

Pretendo obter informações para organizar viagem de grupo em itinerário idêntico